6 Motivos pelos quais você deve ver Toradora

 


No início de agosto, a Netflix incluiu Toradora em seu catálogo. Mas por que, com tantos animes novos sendo lançados, ela trouxe justo um anime que passou há mais de 10 anos? A razão é simples. A final, estamos falando de uma das maiores comédias românticas de todos os tempos.


O anime produzido pelo estúdio J.C Staff adaptou a light novel de mesmo nome escrita por Yuyuko Takemiya. É uma comédia com romance e umas pitadas de drama, que conta a história dos estudantes de ensino médio Takasu Ryuuji e Aisaka Taiga.


A light novel possui 10 volumes e um spin-off com 3 volumes, enquanto a série animada possui uma temporada com 25 episódios, e uma OVA. Há também um jogo para PlayStation Portable. Ufa! Quanta coisa! Quando uma obra é boa, ela vende, e quanto mais vende, mais material a franquia produz.


No Brasil a novel está em lançamento pela editora NewPop e o anime pode ser visto através da Crunchyroll e pela já citada, Netflix.


A seguir, listamos as principais razões pelas quais você deve conhecer essa obra!





6 Motivos pelos quais você deve ver Toradora



1. O enredo de Toradora não é mais do mesmo


Taiga dando um bom dia normal para Ryuuji.


Em Toradora conhecemos Takasu Ryuuji, um adolescente com fama de marginal apenas por ter um olhar mal-encarado, mas que na verdade é tranquilo e modesto. Ele acaba indo parar na mesma classe que Aisaka Taiga, uma baixinha de aparência frágil e infantil. Mas só na aparência. Mesmo. Taiga é raivosa e está sempre metida em confusão, o que lhe rendeu o apelido de tigresa de bolso.  


Ryuuji acaba descobrindo, por acaso, que Taiga é apaixonada por seu melhor amigo. Enquanto ele, Ryuuji, é apaixonado pela melhor amiga de Taiga. E é aí que a história começa.


Os dois, então, decidem colaborar um com o outro. Ryuuji a ajudaria a conquistar Kitamura, seu melhor amigo, e Taiga o ajudaria com Minori, sua melhor amiga.


Em quantas das milhares de comédias românticas que existem por aí nós vemos a dupla de protagonistas se ajudarem a conquistar outras pessoas? Pois bem.


É claro que no decorrer dessa brincadeira surpresas acontecem e novos sentimentos surgem, mas aí só vendo para entender.



2. A comédia é A comédia, e o romance é O romance


Que tal sorrir um pouquinho, tigresa?


É comum que em comédias românticas a parte humorística seja mais bobinha, com piadas que no máximo te arrancam uma risadinha. Por outro lado, a parte romântica costuma ser muito melosa, daquelas em que a menina chora por tudo e os protagonistas sentem vergonha até de se chamar pelo primeiro nome.


Um dos pontos altos de Toradora é que o humor é realmente engraçado, e não poucas vezes arranca gargalhadas do espectador, especialmente no primeiro arco da história.


Por outro lado, a parte romântica não exagera. Toradora trabalha o lado emocional de seus personagens de forma delicada, ao mesmo tempo em que não é enfadonha ou repetitiva. Episódios como o especial de natal poderão te arrancar algumas lágrimas (o que não tem problema, é só culpar os ninjas cortadores de cebola).




3. Todos os personagens de Toradora são carismáticos


Sim, teve o episódio da praia pra reunir a galera.


Se tem uma coisa em que comédias românticas costumam perder a mão é na construção dos personagens. Os meninos costumam ser frios demais e as meninas absurdamente sensíveis. E só.


Em Toradora, cada um dos protagonistas possui suas questões pessoais, suas dores e lutas. Separados já são bons, mas juntos são espetaculares. Taiga e Ryuuji funcionam tão bem em cena que poderia haver um tópico só para falar da química que rola entre eles.


Os coadjuvantes são um show à parte. Minori e Kitamura, as paixões de nossos protagonistas, possuem personalidades únicas, possuindo arcos de desenvolvimento próprios e muito interessantes. Há também a supermodelo Ami, rival de Taiga e a única capaz de bater de frente com a tigresa de bolso. Ela merecia um prêmio só por essa coragem.




4. Toradora tem a maior Tsundere de todos os tempos


Não provoque a garota. É serio.


Aisaka Taiga. Talvez você nunca tenha ouvido falar nesse nome até ler este texto, mas com certeza já viu algum meme ou figurinha com seu rosto nada simpático.


Taiga é a cereja do bolo desse elenco. Mesmo que os outros personagens sejam muito bons, como dito no tópico anterior, a baixinha rouba a cena para si em absolutamente todas as cena em que participa.


Não importa se ela é agressiva e durona. Nós gostamos dela. Não importa se ela espanca todo mundo, inclusive a nós se estivéssemos dentro desse anime. Gostamos dela mesmo assim.


Taiga é dublada por Rie Kugimiya, uma seiyu famosa por dublar tsunderes. Rie foi tão bem como Taiga que sua interpretação lhe rendeu o prêmio Seiyu Awards na categoria Melhor Atriz.


Se você se diz um fã de tsunderes, mas não a conhece, você está fazendo errado. Agora, se você não curte essa personalidade, não tem problema, Toradora é um anime incrível que vale a pena ser assistido mesmo assim.



5. A trilha sonora é digna de entrar para a sua playlist


Olhando assim nem parece que se odeiam.


Todo otaku dá uma atenção especial à trilha sonora de seus animes preferidos, e venhamos e convenhamos, esses japoneses são muito bons com as músicas. Em Toradora não é diferente.


Por ter no elenco dubladoras que também são cantoras, Toradora colocou Rie Kugimiya, Yui Horie e Eri Kitamura (que fazem as vozes de Taiga, Minori e Ami respectivamente) para gravarem as canções de sua trilha sonora.


A música da primeira abertura é talvez a mais chiclete da história dos animes. É animada, contagiante e combina perfeitamente com aquele momento da série. É impossível não ficar com aquela música na cabeça e sair cantarolando ela por aí.


Os temas de encerramentos e da segunda abertura (que entra na metade final do anime) mantêm o ótimo nível.


E não podemos deixar de falar do episódio especial de natal que traz um dueto simplesmente maravilhoso.



6. A reta final é de tirar o fôlego


Ai, esses malditos ninjas cortadores de cebola!


Comédias românticas costumam ser previsíveis quanto ao final, mas Toradora quebra esse padrão.


O último arco não nos deixa saber de antemão o que vai acontecer, quem vai ficar com quem, que corações sairão partidos desse jogo, se nosso ship preferido, seja ele qual for, vai realmente acontecer ou não. A tensão é real. E até os instantes finais, tudo se mantém incerto.


A mensagem final da obra é madura, sem infantilidades e fantasias juvenis.


É claro que esta matéria não dará spoilers do que acontece. Mas vale ressaltar que se você topar a sugestão e resolver assistir Toradora, deverá assisti-lo até o fim. Mesmo. Até depois dos créditos. Dica dada. Não se esqueça. Veja o pós-créditos. Ok?


Se você perder, a culpa não é minha.




Essas são só algumas das razões pelas quais você deve ver Toradora. Vai topar conferir esse anime maravilhoso? Eu te garanto que basta ver o primeiro episódio e pronto! Você só vai parar quando terminar tudo.


 Agora, se você já viu Toradora, nos diga o que achou.


Postar um comentário

0 Comentários